sábado , 16 dezembro 2017
Início >> Outros >> Livraria Cultura recebe o 1º Congresso Internacional de Economia Criativa

Livraria Cultura recebe o 1º Congresso Internacional de Economia Criativa

chilli beans

Encontro, que acontecerá no dia 31, conta com participação do Istituto Marangoni

O 1º Congresso Internacional de Economia Criativa (CIEC) tem sua abertura oficial marcada para o dia 31 de março (quinta-feira), às 9h, no teatro da Livraria Cultura do Conjunto Nacional, localizado na Avenida Paulista, São Paulo. Logo após o evento segue para alto mar a bordo do Chilli Beans Fashion Cruise 2016, com atividades programadas até 3 de abril. Neste primeiro dia, ainda em terra firme, as pessoas poderão acompanhar temas como Uma Nova Economia, Cidades Criativas, Fashion Marketing – “A Gestão Apoia a Criatividade” e um Tour de Livros dentro da Livraria.

A curadoria e direção do 1º Congresso Internacional de Economia Criativa tem direção de Carla Wolff, CEO da agência Dreamakers Travel Experiences & Fashion Tours, operadora oficial e idealizadora do Fashion Cruise. “Este grande encontro será uma ótima oportunidade para promover a capacidade que o mercado brasileiro possui de gerar novos negócios, além de ser um grande exercício para os participantes explorarem nossa criatividade e entender seu valor econômico”, explica Carla Wolff.

Entre os palestrantes estão: Ana Carla Fonseca Reis, Doutora em Urbanismo pela USP, conferencista internacional em economia da cultura, economia criativa e cultura e desenvolvimento; Alberto Hiar, fundador das marcas Turco Loco e Cavalera; Alejandro Castañé, sócio-diretor e consultor sênior da Garimpo de Soluções; Beth Wada, coordenadora dos Programas de Pós-Graduação da Universidade Anhembi Morumbi; Dário Galiza, especialista em estratégia de marketing de moda do Istituto Marangoni em Milão, Itália; Jô Souza, coordenadora e professora de Pós Graduação e Consultora de Moda do Senac, Belas Artes, Escola Panamericana e IED; Dhora Costa, docente de graduação de Moda do Centro Universitário Belas Artes, Senac, Anhembi-Morumbi e Centro Universitário Belas Artes; além de Letícia Gonçalves, Mestre em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social.

Sobre Rose Meusburger

Veja também

Estudantes mineiros vencem competição na Finlândia

O Ultrahack Sprint II reúne estudantes do mundo todo para competir em diferentes hackathons. Os estudantes da UFMG venceram o Health Hack, cujo objetivo foi o desenvolvimento de soluções para auxiliar pacientes com mal de Parkinson por meio de estratégias de gamificação. A esse prêmio se juntou o de melhor solução mobile para o Polar Smart Watch.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *