terça-feira , 22 agosto 2017
Início >> Outros >> 10 características dos empreendedores mais inovadores

10 características dos empreendedores mais inovadores

Autor: Redação
Fonte: IT Forum 365 Publicado em 15 de Julho de 2016

O que fundadores de startups têm em comum? Saiba seus segredos e aprenda com eles

10 características dos empreendedores mais inovadores

Empreendedorismo caminha lado a lado da inovação, da capacidade de produzir novas ideias, proporcionar melhores soluções e desbravar novos produtos. Empresários mais bem-sucedidos trabalham duro para obter sucesso. Mas existem características comuns entre esses empreendedores? Segundo o site Entrepreneur, sim. Confira a lista com dez itens:

1. Constantemente buscam por padrões

É o chamado Apofenia: capacidade de perceber padrões significativos em dados aleatórios. É uma característica pronunciada entre pensadores inovadores. Intencionalmente, eles procuram padrões e estabelecem conexões que permitem detectar potenciais para inovações. A capacidade de “prever” ou identificar problemas é muito valiosa. Grandes inovadores saem à frente nesse quesito.

2. Brilhantemente preguiçosos

Bill Gates disse uma vez: “Escolho uma pessoa preguiçosa para fazer um trabalho duro. Porque uma pessoa preguiçosa vai encontrar uma maneira fácil de fazê-lo”. Gates poderia substituir “uma pessoa preguiçosa” por “uma pessoa inovadora”. “Inovadores vão realmente encontrar o melhor e mais fácil caminho para concluir um projeto. Tudo se resume à eficiência. Inovadores vivem de acordo com o ditado, “trabalhe de forma inteligente, não dura”. Eles não apenas se esforçam para criar o melhor produto, mas também o melhor processo.

3. Obsessivos por anotações

Suas mentes conscientes (memória de trabalho) só podem processar pequenos pedaços de informação por vez. Com uma série de ideias na cabeça, grandes inovadores são anotadores incessantes. Thomas Edison deixou 3,5 mil caderno antes de morrer.

Quando Richard Branson, fundador do grupo Virgin, revelou uma ferramenta de negócios, essa não era um dispositivo complicado, mas, sim, um bloco de notas à moda antiga. Ele está sempre em busca de feedback dos passageiros de voo e tripulação de cabine para usar informações para inovar.

Afinal de contas, sua ideia de milhões de dólares pode vir de qualquer lugar; enquanto você está esperando seu café ou no meio de uma reunião. Por isso, mantenha um repositório de ideias.

4. Pregam a perfeição, mas praticam o progresso

Perfeccionismo é visto como vilão. Essa característica pode ser incapacitante, mas descartá-la abre portas para a mediocridade. Grandes inovadores ainda pregam a perfeição, mas vivem na realidade do progresso. O ideal é localizar um pêndulo de balanço saudável entre os dois. Eles se esforçam para o trabalho ideal e obtém o feito no real. O comerciante milionário Timothy Sykes diz para “apontar para a perfeição, mas continuar disparando para fazer progressos”.

5. Aliados do medo

Descrito como um “gênio criativo peculiar”, o fundador da Kidrobot e Ello, Paul Budnitz, diz que a chave para a inovação está mudando sua relação com o medo.

“Cada um de meus empreendimentos de sucesso têm enfrentado a falência, cheguei perto de perder funcionários-chave, ou simplesmente entrar em colapso ao longo do caminho. O medo me fez aumentar a consciência, compaixão pelos outros que se está trabalhando, e assumir um compromisso inquebrável de sobreviver a todo o custo”.

O medo pode permitir progresso e inovação. Quando o sentimento de medo surge, em vez de uma resposta de luta, abrace-o como descarga de adrenalina vantajosa.

6. Não esperam que as coisas quebrem

Você já ouviu o ditado “por que corrigir algo se ele não está quebrado?”. Grandes inovadores não esperam que as coisas quebrem. O CEO da Selfie Stick Gear Alynah Patel diz que a chave para sair à frente e ser um pioneiro nos negócios é viver pelo mantra: “Sempre pode ser melhor”.

Em vez de esperar por um problema e, em seguida, fornecer uma solução, grandes inovadores encontram formas de garantir que o problema nunca vai nem mesmo existir.

7. Entendem o processo criativo

Preparação, incubação, iluminação, Implementação. Essas são as quatro etapas clássicas do processo criativo. Uma das mais cruciais, pouco antes do momento eureka, é a “incubação”. Grandes inovadores encontram novas formas de alimentar essa fase de criatividade; ir para uma caminhada na natureza, ou fazer ioga.

A incubação exige desprendimento mental. Ela permite que o processo inconsciente sintetize toda a informação que você conscientemente encontrou.

8. Perseguem vários fluxos

Elon Musk tem negócios como Tesla e Solar City. Mark Cuban tem muitos para citar. Uma característica dos grandes inovadores é a alimentação de múltiplos interesses. Assim como o processo criativo, interesses alternativos se sobrepõem e se alimentam mutuamente.

Ter vários projetos quebra o psicológico-gargalo e pressão de ter sucesso em um único empreendimento. Ele também expande sua amplitude de conhecimento e perspicácia de negócios em geral.

9. Possuem arrogância saudável

Pode surgir como arrogância, mas empresários de sucesso e grandes inovadores são altamente confiantes. Quando Gallup estudou o talento empresarial, descobriu que pessoas com alto nível de confiança tiveram melhor desempenho em situações estressantes.

Quando alguns veem risco, empresários confiantes e inovadores enxergam oportunidades; enquanto outros veem obstáculos e falha potencial, eles veem vitória.

A CEO da National Pearl, negócio focado em joias, Emma Schrage diz: “Uma parte essencial da inovação é a implementação e não a ideia”. Ter arrogância saudável ajudou-a a tomar medidas em um campo saturado, e contra uma concorrência altamente competente.

10. Abraçam o pensamento paradoxal

Grandes inovadores não enxergam o mundo em preto e branco. Enquanto muitas pessoas pensam no “ou/ou”, eles se esforçam para ver o caminho “e/e”. Quando telefones celulares só faziam chamadas, inovadores ignoraram limites convencionais.

F. Scott Fitzgerald, grande romancista norte-americano, disse que: “O teste de uma inteligência de primeira linha é a capacidade de manter duas ideias opostas em mente ao mesmo tempo e ainda manter a capacidade de funcionar”.

Sobre Rose Meusburger

Veja também

MESA DESIGN – “INOVAÇÃO – GERAÇÕES” – 12 agosto 2017

Cada convidado tem uma visão muito específica sobre o tema e a ideia é trocar o conhecimento com cada um e provocar os presentes sobre maturidade e as inovações para a qualidade de vida numa das fases mais importantes do ser humano. No espaço destinado à REC-Brasil no Pátio Design nossos artistas apresentam e comercializam seus produtos.