terça-feira , 26 setembro 2017
Início >> Notícias >> REC-Brasil apoia e divulga – Empreendedores e artistas convidam público para a 3ª edição do Boulevarte – Belém (PA)

REC-Brasil apoia e divulga – Empreendedores e artistas convidam público para a 3ª edição do Boulevarte – Belém (PA)

Maior evento de economia criativa do Pará reúne música, arte, moda e ocupa parte do centro histórico com a seguinte premissa: cidade é pras pessoas.

O Boulevarte chega à terceira edição no próximo domingo, 5 de junho, com a proposta de valorização da cidade fortalecida. Mais de 100 empreendedores criativos ocupam a Praça dos Estivadores, no coração do centro histórico de Belém, e junto aos artistas confirmados no evento, convidam o público a vivenciar a cidade de forma plena, na cultura, na gastronomia, no artesanato, na música e na arte. A programação será de 8h às 19h.

Os foodtrucks estacionam na praça desde a noite de sábado, 4. A expectativa da organização é que mais de 40 mil pessoas participem do evento de economia criativa e arte. “Estamos realizados só por ver que a cidade pede as próximas edições. O Boulevarte vem para dar oportunidade a esses empreendedores, mas vem também para fortalecer não só as trocas econômicas, mas as afetivas que temos uns com os outros e com a cidade, por isso o nosso conceito é #CidadePrasPessoas”, declarou Ney Messias, idealizador do evento.

As atrações confirmadas são Trio Lobita e o 4⁰ Elemento, In Bust Teatro com Bonecos, Grupo Comboio, Jaafa Reggae, Juca Culatra, Vittória Braun, Zek Picoteiro (discotecagem), Bravos, Arthur Espíndola, além do grupo Arraial do Pavulagem, que realiza um ensaio aberto para os cortejos do Arrastão, marcados  para começar no dia 12 de junho.

Júnior Soares é um dos fundadores do Arrastão do Pavulagem, que, há 30 anos, leva para as ruas da capital a cultura da quadra junina. O cantor e compositor vê o Boulevarte como um momento de troca. “Acho uma iniciativa fantástica, ofertar esses produtos criativos, que são esse mix do que tem na cidade. São pessoas trabalhando numa beleza fenomenal que mistura cultura com a arte, com a música, com o teatro, e transforma em produtos interessantes. Ganha a cidade como um todo”, avaliou.

O evento também tem estreia: Vittória Braun. A cantora começou a fazer teatro aos 16 anos e, subitamente, soube ali que iria seguir carreira artística. “Ser artista me alimenta do que sou e do que posso ser no mundo”, explica. A expectativa do primeiro show na sua terra natal é a melhor possível. “Viver o meu primeiro show na minha cidade, com os meus, nessa vizinhança que já vivi tantas coisas, é prazer demais. Fora todo o resto da programação que eu estou animadona para curtir”.

A cultura como negócio

boulevarte belem

O empreendedor criativo é o combustível do Boulevarte e Max Nascimento é um deles. Participante desde a segunda edição, ocorrida em outubro de 2015, o comerciante de vinis conta que, assim como na edição anterior, espera o sucesso nas suas vendas. “Adquiri vários clientes no último Boulevarte, daqui, de fora do estado, do Brasil. Pessoas que não conheciam o meu trabalho e gostaram, fizeram encomendas e novas amizades foram iniciadas, porque o disco de vinil faz com que as pessoas voltem a interagir. O Boulevarte dá a oportunidade para quem gosta curtir essa cultura”, acredita.

Max vê o evento como um impulsionador da economia criativa, e mais uma plataforma que cada expositor tem para mostrar e divulgar o seu trabalho, seja de qual segmento ele for. Ele também antecipa: amantes de vinis vão ter novidades no dia do Boulevarte. “Vou esperar todo mundo lá, como da outra vez, que tivemos um número bastante expressivo de pessoas se divertindo e interagindo, com a diversidade de coisas que o Boulevarte oferece, principalmente por ser em local aberto, sem cobrança de ingresso e com diversão e segurança garantida pra toda a família”, conclui.

O reconhecimento de Belém como um polo que emana cultura através da gastronomia, da arte e dos processos criativos é um motivador para o Sebrae patrocinar o evento. “O objetivo, as ações e os resultados esperados do projeto estão alinhados e adequados à nossa missão, no sentido que promovem a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos pequenos negócios criativos que são envolvidos no evento, que é uma vitrine para os negócios inseridos na economia criativa da capital”, afirmou Renata Trícia, gerente de comércio do Sebrae.

Os entusiastas do projeto são fundamentais para que evento siga pelas próximas edições. A produtora cultural e realizadora do evento, Lorena Saavedra, define o sentimento pré-Boulevarte: gratidão. “Nós estamos muito felizes em poder trazer empreendedores tão competentes, com propostas tão criativas, e reunir esses artistas maravilhosos que toparam essa edição com a gente. Não podemos deixar de agradecer também os nossos patrocinadores, que tornam o Boulevarte possível, que são o Banco da Amazônia, Sebrae e Estácio. Até domingo”.

Além dos empreendedores criativos, haverá estandes da Associação de Bares e Restaurantes de Belém (Abrasel), da Faculdade Estácio, do Banco da Amazônia e das boieiras do Ver-o-Peso.

Serviço

A terceira edição do Boulevarte será na Praça dos Estivadores, neste domingo, 5 de junho, de 8h às 19h, com a participação de 110 empreendedores criativos. Informações no sitewww.boulevarte.com.br ou na fanpage do evento no Facebook. Confira abaixo a programação completa do evento.

Programação

9h: Trio Lobita e o 4⁰ Elemento (Palco Carreta)

9h55: Arraial do Pavulagem (Cortejo)

10h50: In Bust Teatro com Bonecos  (Tenda das Artes)

11h45: Grupo Comboio (Palco Carreta)

12h40: Jaafa Reggae (Tenda das Artes)

13h35: Juca Culatra (Palco Carreta)

14h20: Vittória Braun (Tenda das Artes)

15h35: Discotecagem –  Zek Picoteiro (Palco Carreta)

16h20: Bravos (Tenda das Artes)

17h15: Arthur Espíndola (Palco Carreta)

 

Sobre Rose Meusburger

Veja também

MESA DESIGN – Turismo – Novos Caminhos – 14 out 2017 (SP)

Sempre no segundo sábado do mês a REC-Brasil organiza o encontro Mesa Design com parceria de UNIBES Cultural. No evento de outubro – Dia 14, às 14h – o tema a ser debatido pelos convidados será TURISMO - Novos Caminhos! Cada convidado tem uma visão muito específica sobre o tema e a ideia é trocar o conhecimento com cada um e provocar os presentes sobre inovações em caminhos e aplicativos para o trade turístico.